sábado, 4 de julho de 2009

VIDA CANINA DIGNA! EXEMPLO A SER TOMADO

Nessas férias fui fazer uma visita ao país dos alpes, a Suiça. Além de toda beleza arquitetônica e natural de lá (e dos chocolates), o que mais me encantou foi o respeito que os suiços tem pelos cães, além de terem como símbolo nacional o São Bernardo, famoso por resgates nos alpes, que está presente em inúmeros cartões postais do país.

No Museu de História Natural, em Bern, você pode encontrar o corpo embalsamado do São Bernardo mais famoso do mundo, o Barry, que nasceu em 1800 e ficou famoso por salvar 40 pessoas em perigo na neve dos alpes. A história de salvamento mais famosa do Barry é a do menino que estava inconsciente por causa do frio e preso na neve onde os monges não conseguiam chegar. Então, Barry escalou a montanha, encontrou o menino e lambeu seu rosto até ele acordar e o carregou nas costas até o albergue onde os monges puderam prestar socorro ao garoto. Esse é o grande herói Barry, que morreu em 1814, de velhice:

Ao contrário do Brasil, lá não existem cães abandonados nas ruas. Todos os cidadãos que possuem cães, andam com os mesmos em coleiras por todo o país, inclusive no transporte público. Isso mesmo, os cães na Suiça são muito bem vindos nos trens, ônibus, trams (os bondinhos de lá), restaurantes e lojas, com excessão de lojas de alimentos. Pra isso, basta estar com o seu amigo na coleira.

Placa na estação de Lausanne dizendo que os cães são permitidos com coleira.

A primeira vez que vi uma garota entrando no tram com o seu cãozinho na coleira fiquei positivamente espantada e comecei a perguntar a respeito. Então descobri que os cães pagam meia passagem no transporte público com um bilhete chamado hundeabounament!

Kyburg, uma vila de camponeses no topo da montanha em Zürich, abriga um castelo medieval de mesmo nome que se transformou em museu. No caminho me deparei com um monumento esculpido em madeira em homenagem aos animais de estimação. Muito fofo!! Pena que não deu pra perguntar pro dono da casa mais informações sobre a escultura...Não tinha ninguém em casa =(Eu (PB)

Nos parques e áreas verdes você encontra lixeiras praticamente a cada 10 metros e todas elas possuem cinzeiros na parte de cima (porque eles também respeitam os fumantes) e saquinhos na parte de baixo. Sao os famosos robidogs! Esses saquinhos tem carinhas de cães desenhadas e servem para os cidadãos recolherem as nescessidades de seus cães e colocarem no lixo. Vem até com instruções de uso.

Robidog em Zürich

Todos os cães tem que ser registrados e ganham uma identificação, o que facilita a procura em caso de perda, e todos os proprietários de cães devem pagar uma taxa anual de 100 francos suiços pra terem seus cães. A vacinação é obrigatória e custa entre 20 e 30 francos suiços. E não pense você que eles só tem cães de raça! Os vira-latas são a grande maioria entre os donos de cães por lá (pelo menos até onde eu vi).

Existem moradores de rua na Suiça também, e os punks que são praticamente moradores de rua. Nesse caso o governo paga uma ajuda de custo para essas pessoas se manterem e caso elas tenham um cão, o governo paga uma quantia a mais para alimentação do dog!

Existem banheiros pra cachorro, como este no Lake Thun:

Todos esses fatores políticos agregados a educação da população, fazem com que os cães tenham uma vida digna e que seus donos sejam responsáveis e não os abandonem! Políticas que se forem adotadas por aqui como pagamento de taxa anual para ter um cão e registro obrigatório, fariam com que os donos irresponsáveis brasileiros pensassem duas vezes antes de adotar um amigo cão.

Cachorro não é brinquedo. Pense muito bem antes de adotar um pois serão pelo menos 14 anos de dedicação, amor, carinho e responsabilidade!

(PB)

3 comentários:

Gisele Santos - Redação MRC disse...

nossaaaa que lindooo paulinhaaa

eu vou divulgar esse texto tambem!

bjus
Gi

0ooALEoo0 da silva sauro ximba disse...

nossa que massaaa

eu adoro são bernardos

eu já ouvi falar da historia do barry, é inacreditavl, que bom que em algum pais deste mundo tenham respeito pelos cães, eles merecem

Antonia Cleia disse...

Por gentileza a imagem do são bernardo como cão de busca e salvamento é de vocês ou é de outro autor? Me passem um e-mail para falar com vocês se puderem caso a imagem seja de vocês mesmo. Obrigada!